Avanços nas tecnologias usadas no firewall corporativo

Atualmente, empresas de qualquer tamanho precisam investir em soluções de segurança inovadoras para garantir a proteção de suas redes e sistemas e manter a competitividade. Afinal, as organizações agora convivem com ameaças cibernéticas cada vez mais numerosas e avançadas, e também enfrentam vulnerabilidades decorrentes da migração para o home-office e o aumento da complexidade de TI.

Para garantir que os malwares não entrem em sua rede por meio de tráfego criptografado, uma inspeção confiável e de alto desempenho deve ser garantida. No entanto, os firewalls corporativos tradicionais não são mais capazes de enfrentar as ameaças avançadas atuais.

Para dar conta dos novos desafios, os firewalls de nova geração precisam apresentar novas funcionalidades agregadas para atender aos novos requisitos de segurança. Isso inclui a integração dessa ferramenta com outras soluções de segurança e acesso, além de recursos como o conhecimento e controle acerca da origem, destino e tipo das aplicações que rodam nos ambientes das empresas.

Neste artigo, vamos abordar os avanços nas tecnologias usadas no firewall corporativo e explicar quais são os principais recursos trazidos por essas soluções.

Conheça os avanços trazidos pelo firewall de próxima geração

Os firewalls tradicionais agiam como uma sentinela que monitora o tráfego entrando e, às vezes, saindo da rede. Esses dispositivos examinam pacotes, endereços de rede e portas para determinar se os dados devem ser permitidos ou bloqueados. Uma boa analogia para o funcionamento do firewall é uma viagem de avião. Nas primeiras versões dessa ferramenta, os dados eram simplesmente verificados para ver se eles tinham uma passagem, mas se as suas credenciais estivessem em ordem, eles poderiam embarcar no avião.

Em seguida, o tráfego de aplicativos decolou e os firewalls de primeira geração não conseguiram mais acompanhar essa evolução. Isso porque os criminosos conseguiram ocultar malware dentro do tráfego do aplicativo, onde o responsável pelo firewall não podia vê-lo.

Nesse contexto, os firewalls de próxima geração nasceram com um novo conjunto de recursos, como Controle de Aplicativos e Sistema de Prevenção de Intrusão (IPS) para detectar ataques conhecidos e de dia zero. Essa nova ferramenta pode ver os aplicativos e encontrar e bloquear malwares observando de perto o tráfego da rede. Pense nisso como adicionar uma máquina de raio-x ao processo de embarque da sua companhia aérea. Mesmo que o cibercriminoso tenha um bilhete, mas carregue algo perigoso em sua bagagem, ainda assim o seu acesso será negado.

O firewall de próxima geração apresenta recursos avançados para detectar e bloquear ataques cibernéticos, fornecendo proteção, alto desempenho e implementando segurança nos níveis de protocolo, porta e aplicativo. Além disso, essa solução é capaz de reduzir a complexidade da tecnologia de segurança com visibilidade automática dos aplicativos. Esses recursos permitem que usuários e redes trabalhem com segurança e obtenham resultados máximos de desempenho. Essas ferramentas podem ser empregadas em qualquer lugar, desde a borda da rede local até seus limites internos, e também em um ambiente de nuvem pública ou privada.

Porém, cabe notar que nem todo firewall de última geração é projetado da mesma maneira, mas alguns recursos são necessários para garantir a segurança diante das ameaças atuais. A seguir, apresentaremos algumas características dessas soluções que os profissionais de TI devem conhecer.

  1. Multifunção: O Firewall de última geração fornece um sistema para detectar e proteger invasões integradas e funciona com base na análise do comportamento do tráfego e de atividades incomuns. Esse recurso multifuncional auxilia no processo de verificação e na triagem de conteúdos detalhados.
  2. Uso mais eficiente da infraestrutura: O firewall de última geração inclui recursos como antivírus integrado, inspeção IPS, filtros da Web, filtros de spam e controles de aplicativos em um único dispositivo. Por isso, ele é capaz de aumentar a segurança e reduzir a complexidade da infraestrutura. Ele também oferece suporte à integração com dispositivos Sandbox, inspeção SSH e SSL, filtragem da Web e proteção contra malwares. Com esses recursos, ele é capaz de proteger as redes de maneira muito melhor e mais inteligente.
  3. Visibilidade profunda e abrangente além do aplicativo: Não basta simplesmente inspecionar o tráfego. Para capturar muitas das ameaças mais sofisticadas de hoje, a inteligência obtida dessas inspeções precisa ser compartilhada em tempo real com o restante da rede. Infelizmente, a maioria das soluções atuais funciona isoladamente. Muitas nem compartilham informações entre as diferentes ferramentas de segurança carregadas em uma única plataforma, muito menos com outras ferramentas de segurança implantadas na rede distribuída.

Atualmente, a integração entre plataformas e a correlação direta das informações sobre ameaças são essenciais para proteger as redes. E essa funcionalidade precisa ser dimensionada nas redes altamente distribuídas de hoje, que incluem domínios físicos e virtuais, IoT e outros dispositivos de endpoint e ambientes de várias nuvens que podem incluir vários provedores de IaaS e SaaS.

Como resultado, os ataques podem vir de qualquer lugar, originados de dentro, às vezes de usuários invasores, mas principalmente de usuários comprometidos ou de fora de um dos perímetros da rede. Para detectar e responder a ameaças conhecidas e de dia zero, as soluções de firewall atuais precisam possuir recursos de IPS e Anti-Malware. As ameaças desconhecidas exigem recursos de proteção avançada contra ameaças, integrando-se com sandbox e outras fontes que podem compartilhar inteligência de ameaças.

  1. Proteção avançada contra ameaças: O firewall de próxima geração inclui proteção antivírus, malware e ransomware, que é atualizada automaticamente sempre que novas ameaças são encontradas. Ele também é capaz de reduzir a vulnerabilidade de ataques limitando os usos dos aplicativos. Os aplicativos que podem ser executados estão livres de vulnerabilidades ocultas e não têm potencial para roubar os dados importantes. Somando-se a tudo isso está o aumento do tráfego criptografado para fornecer aos usuários a segurança de acessar aplicativos de qualquer lugar para qualquer lugar. Pense nesses recursos como o equivalente a scanners corporais e à limpeza de bagagem à procura de resíduos de fabricação de bombas nos voos comerciais.

Agora você já conhece as informações detalhadas sobre o firewall de última geração e as suas vantagens para a segurança da rede. Se a sua empresa ainda usa um firewall tradicional, você deve considerar a possibilidade de substituí-lo por um firewall de última geração, para garantir uma segurança de rede mais eficaz. Além disso, em função da diversidade das novas soluções de segurança, é recomendável que as empresas contem com o auxílio de um especialista técnico na área.

Conte com nosso time altamente capacitado para entregar os melhores serviços e garantir o correto funcionamento das soluções de segurança da informação para a sua empresa. Fale com um dos nossos especialistas e tenha um mapeamento completo das soluções necessárias para a sua empresa.

Fale com um de nossos especialistas.

Compartilhe este artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

Confira os próximos assuntos